.

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Feliz Ano Novo


Dizem que estas alturas são propícias a balanços.
Para mim, o ano de 2009 não foi inesquecível.
Não viajei, nem escrevi livros, nem ganhei prémios.
Confesso que fiz algumas descobertas, plantei árvores e, por vezes, me diverti.
Mas perdi amigos. E referências.
Fiz desenhos.
Acabo com um (o auto-retrato é a fórmula que muitos artistas encontraram para os seus balanços introspectivos) para desejar um Bom Ano Novo a todos os que visitam este pobre sítio.
.
.

7 comentários:

António Agostinho disse...

Bom Ano também para ti e toda a tua família.
Um abraço

Cid Simões disse...

Como me acaba de dizer um Bom Amigo, desejar um bom ano pouco adiante... mas consola.

Um Bom Ano Novo!

beta disse...

Entrei aqui, na tua casa, este ano. E gostei! Muito!
Para o ano, cá continuarei a vir diariamente,mesmo que de corrida.
Um abraço.

Zé D'alhada disse...

Bom Ano e fico feliz por alguém te destacar como um bom blog de 2009.
Tu mereces
Pelo esforço, pelo amor ao que fazes e ainda por ser o ser humano que és.
Bom Ano amigo, és dos vinhs da minha adega.
Abraço

Paula Vidigal disse...

Em jeito de brincadeira: falta na caricatura aquele ar de marinheiro que vi há uns dias atrás...

Bom Ano para ti e para as meninas.

PDuarte disse...

Um bom ano para si e para os seus.

Carlos Freitas disse...

Consegui chegar. Abraço com muitos anos.

Carlos Freitas