.

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

vejam bem

.


A ministreza da cultura, srª drª Isabel P. de lima acha que "É de um provincianismo atroz pensar que só se qualifica a cultura mostrando o que é nosso. Isso é serôdio e provinciano".
Vai daí, para encantar basbaques pindéricos e o jetset da Caras ou quejandos, gastou uma pipa de massa nas rendinhas e ouropeis dos Romanov do Hermitage, fez um negócio asinino com o grossista madeirense da bolsa, o grunho berardo e, não contente, prepara-se para inaugurar mais três museus já em 2008.
Enquanto isso…
.
.

3 comentários:

Capitão Merda disse...

Essa senhora devia era estar calada, pois está para a cultura como eu para a religião...

carlos freitas disse...

Não entendo é como é que esta senhora andou na escola em que andou e agora parece uma flausina!

Anónimo disse...

Lá está: pior que um comunista só mesmo um ex-comunista.